Parque de diversões (by Ricardo)

Estavamos alí, desta vez na cama. O quarto era o lugar mais fresco da casa naquele dia.
Sem pressa, já havíamos nos divertido em todas as posições conhecidas. E uma nova: o "ganço com torcicolo". Essa não foi das melhores, mas rimos muito.
Enquanto fazia rodinhas com a ponta do dedo, distraidamente, em volta do bico do seio, lembrei-me de uma cena rara da minha infância, mas muito especial. A visita ao parque de diversões.
Eu adorava o carrinho de dar trombadas, a barraca de tiro-ao-alvo, o bicho-da-seda (esse, coitado, nem existe mais) e a montanha russa. E ficava apoquentando meus pais, que não tinham muita grana, com o inevitável: "deixa eu ir de novo ... ah, só mais uma vez, vai .... por favor ...".
Depois de alguns anos de análise, a gente se convence de que as lembranças não voltam por acaso. Fiquei me perguntando, enquanto contemplava o biquinho enrijecido, porque estava lembrando daquilo naquele momento.
O insight veio rápido.
Ela era o meu parque de diversões.
Os seios pequenos, a bundinha arrebitada, os olhos apaixonados, xotinha cor-de-rosa, o sorrisinho sacana, os gemidos, os gritos, as mordidas, os braços largados ao lado do corpo entregue ou as mãos presas pelas minhas sobre a cabeça nos momentos mais intensos ...
Meu pequeno parque, tão lindo, tão iluminado.
E quantas brincadeiras divertidas.
As pequenas montanhas russas que percorria com a ponta dos dedos, com a palma da mão espalmada, com a língua...
O bicho-da-seda, entrando e saindo do escuro, primeiro vagarosamente, depois, cada vez mais rápido.
As firmes trombadas do carrinho por trás e o delicioso tiro-ao-alvo pela frente...
E ela, generosa, sempre me deixando ir de novo, quantas vezes quiser, sempre que tiver vontade.
Não é o paraíso ?
Fiquei emocionado.
Larguei a montanha russa e voltei para o bicho-da-seda.

14 comentários:

  1. Ricardo,

    Só mesmo um homem com espírito maroto para se divertir tanto neste brinquedo!!!

    Passaporte VIP sempre!!

    ResponderExcluir
  2. "Ela é meu time de futebol
    Ela é meu domingão de sol
    Ela é meu esquema
    Ela é meu concerto de rock'n roll
    Nação, minha torcida gritando gol
    Minha Ipanema

    Ela é meu curso de anatomia
    Ela é meu retiro espiritual
    Ela é minha história
    Ela é meu desfile internacional
    Ela é meu bloco de carnaval
    Minha evolução

    Galega, tento descrever
    O que é estar com você
    Princesa, todos vão saber
    Que eu estou muito bem...com você

    Ela é minha ilha da fantasia
    A mais avançada das terapias
    Meu play-center
    Ela é minha pista alucinada
    A mais concorrida das baladas
    Meu inferninho
    Ela é meu esporte radical
    Poderosa, viciante, mas não faz mal
    Meu docinho
    Ela é o que meu médico receitou
    Ronaldinho Gaúcho mandando um gol
    Minha chapação

    Galega, nem dá pra dizer
    O que é estar com você
    Princesa, todo mundo vê
    Que eu sou mais você."

    Mundo Livre S/A

    ResponderExcluir
  3. ...e tem acendido uma luzinha (nesta caxola cinquentinha) a respeito dos homens que são capazes de nos fazer sentir como se fôssemos meninas. Aqueles "meninos" que conseguem desfrutar do melhor da nossa meninice feminina, apesar de nossa mauridade.

    ResponderExcluir
  4. ...Larguei a montanha russa e voltei para o bicho-da-seda.


    Amei!tsc,tsc,tsc

    bjs

    ResponderExcluir
  5. Prefiro a morte a entrar aqui!6 de março de 2009 12:34

    e a gente pensa que sabe tudo...

    rs

    ResponderExcluir
  6. KKKKKKKKKKK
    Ganço com torcicolo foi ÓTEMO!!!!

    fiquei imaginando como seria!KKKK

    Mas é verdade o corpo do parceiro é o melhor parque de diversões que existe!!

    bjinhos

    ResponderExcluir
  7. ...Enquanto imaginava o nosso futuro... kkkkkkkkkkk
    Homens...Quem os entende...? hihihi
    Vim retribuir a visita ao "Annah World", volte sempre serás bem vindo.
    Gostei do seu blog e estarei invadindo muitas vezes presumo eu ;)

    Um Beijo Ana

    ResponderExcluir
  8. Muito lindo isso, sério mesmo... Imagino o quanto esse brinquedinho não era bom para fazer você relembrar coisas tão especiais!

    ResponderExcluir
  9. Adorei a analogia, Ricardo.
    Ótimas diversões para ti.

    Bjo

    ResponderExcluir
  10. Gostei da narrativa.
    E esse tal ganço com torcicolo? Nunca ouvi isso na minha vida e pior que passei horas imaginando como seria, kkkkkk
    Cara, vou voltar. Amei aqui.

    Bjss

    ResponderExcluir
  11. Ganço com torcicolo? hahaha essa é nova. Eu tambem fiquei imaginando. Como sera?

    ResponderExcluir